AGENDE SEU HORÁRIO COM ANTECEDÊNCIA PELOS TELEFONES: (11) 4235-3798 / (11) 98043-2356 (Oi)

AGENDE SEU HORÁRIO COM ANTECEDÊNCIA
PELOS TELEFONES: (11) 4235-3798 / (11) 98043-2356 (Oi)

domingo, 24 de fevereiro de 2013

PARALISIA FACIAL


 

Paralisia Facial é um distúrbio ou uma paralisia total de todos, ou alguns, músculos da expressão facial.

A causa da paralisia facial pode ser dividida em: traumática, infecciosa, neoplásica, metabólica, congênita, vascular, tóxica e idiopática. 
A paralisia facial de ordem traumática pode acometer os indivíduos sob várias formas, como por exemplo:

  • Objetos cortantes ou perfurantes;
  • Projéteis de arma de fogo na face;
  • Acidentes automobilísticos;
  • Traumas cirúrgicos;
  • Entre outros.
 Podemos ter algumas lesões do nervo facial de origem infecciosa, como:          
  • Meningite: com comprometimento da bainha do nervo craniano, as reações inflamatórias ou exsudativas causam paralisia facial.
  • Otite: ocorre compressão, inflamação ou mesmo destruição do nervo facial, pois a otite pode-se apresentar desde uma leve supuração até a necrose dos ossos.
  • Herpes Zoster: ocorre por um processo inflamatório agudo em gânglios sensitivos, o vírus atinge por um processo desconhecido, nervos do mesmo lado de um corpo. Ocorre o aparecimento de vesículas, dores, diminuição sensibilidade e por fim a paralisia do nervo.
As lesões do nervo facial pelas neoplasias podem dar-se por:
  • Compressão do nervo ou destruição do mesmo, devido ao processo neoplásico;
As neoplasias mais comuns são: da glândula parótida, do tronco cerebral e quarto ventrículo, do ângulo ponto cerebelar na base do crânio.
Nas disfunções metabólicas temos:
  • Os diabéticos, por exemplo;
Há dois tipos de paralisias faciais congênitas:
  • Não desenvolvimento dos núcleos celulares pontinos, que dariam origem às fibras do nervo facial.
  • Paralisia facial do tipo "Heller", que consiste na não formação do pavilhão da orelha e outras estruturas circunvizinhas.
A nível vascular:
  • Bloqueio na circulação arterial que nutre o nervo pode causar a paralisia facial.

TRATAMENTO COM ELETROACUPUNTURA

O tratamento com eletroacupuntura terá um resultado proporcional à rapidez com que o Cliente procurar um acupunturista.
Quanto mais cedo o Cliente procurar o atendimento, mais rápida será a melhora.
Diferentemente de outros tratamentos mais convencionais, a eletroacupuntura traz resultados já na primeira sessão. É comum ver Clientes totalmente recuperados com poucas sessões de eletroacupuntura desde que comece cedo o tratamento.
O atendimento é rápido; não passa de 40 minutos, não causa dores ou desconforto, trabalha a parte lesionada da face e equilibra a parte sadia do rosto.
O estímulo causado pela eletroacupuntura em outras palavras, faz com que o cérebro entenda que precisa voltar a nutrir aquela região que momentaneamente está desguarnecida de sangue e de seus eventuais nutrientes. É como se lembrássemos ao cérebro que a outra parte da face também existe e que precisa de movimento.
Como a paralisia facial é uma sensação extremamente desagradável, é comum também o Cliente ficar tenso. Nestes casos, a acupuntura contribui ajudando no relaxamento globalizado.



sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

Auriculoterapia noTratamento de Crianças com Bronquite


                  

"A Auriculoterapia com  sementes no tratamento de crianças é uma excelente ferramenta em  vista   de   seu  caráter  não  invasivo  e a rápida  resposta  ao estímulo.  Outro   fator  importante  é  que   não   apresenta   contra-indicação,  podendo  ser   realizada   juntamente   com   a   terapia  alopática,  ajudando  a  minimizar  os  efeitos  colaterais  que alguns medicamentos possam trazer."

Mas quando falamos em tratamento de criança com acupuntura, qualquer que seja a técnica, precisamos lembrar as diferenças existente entre as mesmas e os adultos. Crianças possuem maior delicadeza e suscetibilidade a agressão de fatores externos que causam distúrbios de Qi, seu sistema de defesa só está completo depois dos 7 anos e são muito sensíveis aos sentimentos daqueles que o cercam, principalmente a mãe. Disfunções relacionadas à alimentação da criança, também são fatores de grande influência ao adoecimento. Grandes quantidades de alimentos, alimentos condimentados e horários de alimentação, interferem no funcionamento energético do nosso corpo. Alimentos como leite de vaca, por exemplo, parece ter um grande valor nutritivo, porém se a criança apresentar um Baço com deficiência, esse se ingerido em grande quantidade, poderá lesionar ainda mais este órgão, levando-o a uma sobrecarga de trabalho. O Pulmão é o órgão mais exterior por ser o responsável pela dispersão e descida do Jin Ye (fluidos corpóreos) e do Wei Qi (energia de defesa), o que faz dele o primeiro órgão a ser afetado pelos fatores patogênicos exteriores.
Problemas respiratórios na infância são a causa mais comum de internações hospitalares, sendo a poluição do ar e o tabagismo em domicilio, na atualidade, os principais fatores desencadeantes. Entre as principais patologias encontramos asma, bronquite, sinusite, rinite e alergias em geral.
A bronquite é uma doença pulmonar que dentro da visão da MTC que pode ser causada tanto por fatores externos (invasão de vento frio ou calor e umidade), como por fatores internos (deficiência de Pulmão, Rim, Baço-pâncreas, ou, excesso de Fígado).
A deficiência energética causada por essa doença no organismo da criança seja ela, pela invasão de Xie (energia perversa) ou pela deficiência do Wei Qi (energia de defesa) e debilidade de Pulmão, Baço-pâncreas e Rim, pode levar um atraso no desenvolvimento físico, motor e cognitivo.
A eficácia do tratamento utilizando apenas auriculoterapia com semente de mostarda é efetiva. Outra vantagem da auriculo é a necessidade das crianças ficarem apenas poucos minutos sem se mexer, e nem precisam estar totalmente paradas para a colocação das sementes, o que no caso de crianças pequenas pode ser um fator de estresse aos mesmos, aos pais e ao terapeuta.
Por sua vez, a criança também deve ser orientada do que ocorrerá durante o tratamento, da importância de permanecer com as sementinhas e de estimulá-las durantes alguns períodos.
O primeiro passo no tratamento com crianças é minimizar seu sofrimento, mesmo tratando inicialmente apenas as manifestações, e, a partir daí buscar a causa e tratar sua raiz. É importante considerar também os efeitos que as medicações ingeridas causaram no organismo, desequilibrando ainda mais a energia dos órgãos referentes à sintomatologia apresentada.
Com a escolha da auriculoterapia para o tratamento podemos tratar as manifestações e a raiz ao mesmo tempo já que essa técnica trata as disfunções.